Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 21 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Ataque não funciona, e São Paulo perde para o Atlético-MG

11 Jun 2007 - 14h15

Considerado o principal problema do São Paulo neste início de Campeonato Brasileiro, o ataque da equipe paulista novamente não funcionou domingo. Como resultado dessa deficiência, perdeu por 1 a 0 para o Atlético-MG, no Morumbi.

Em cinco jogos pelo Nacional, o time do técnico Muricy Ramalho conseguiu marcar apenas três gols, nenhum de jogadores do seu setor ofensivo --o goleiro Rogério Ceni anotou dois tentos, e Jorge Wagner fez o outro.

Para tentar amenizar a deficiência de seu ataque, o treinador são-paulino efetuou mudanças no time e escalou Marcel --"cópia" do titular Aloísio, suspenso pelo STJD-- ao lado de Dagoberto.

As alterações, no entanto, foram em vão. Novamente, o São Paulo ficou com a posse de bola, mas pouco criou, principalmente na etapa inicial. Nos raras chances de marcar, falhou e permitiu ao Atlético-MG somar mais três pontos na competição --tem oito.

O São Paulo faz campanha um pouco pior. Com sete pontos, tem desvantagem de quatro para os líderes do Nacional, Vasco, Botafogo e Corinthians, respectivamente.

Nas próximas rodadas, Muricy terá que encontrar soluções para as ausências de Josué e Alex Silva, que se despediram do clube hoje para a disputa da Copa América pela seleção brasileira. O lateral reserva Reasco também irá à competição, pelo Equador.

No primeiro tempo da partida de hoje, os são-paulinos foram melhores, mas não conseguiram transformar essa superioridade em lances de perigo --tanto que só chegavam ao goleiro Diego em chutes de meia distância.

A única oportunidade real de abrir o marcador aconteceu aos 45min, quando Dagoberto cruzou, Diego falhou a bola sobrou para Ilsinho, que, na pequena área, foi travado no momento da conclusão.

Aos 14min da etapa final, Ilsinho teve outra chance de marcar o primeiro gol do jogo. Ao receber passe, ficou livre na frente do goleiro atleticano, mas demorou para chutar e foi interceptado por Thiago Feltri.

O lance animou o São Paulo, que se lançou ao ataque e teve duas boas oportunidades em um minuto. Aos 19min, Jorge Wagner tentou gol olímpico, que foi evitado por Diego. O goleiro atleticano também defendeu um chute rasteiro de Josué, logo na seqüência.

Quando estava melhor em campo, o time de Muricy ficou com um jogador a menos. Aos 27min, Leandro deu carrinho por trás em Eder Luís e recebeu o segundo cartão amarelo.

Dez minutos após a expulsão de Leandro, o São Paulo sofreu o gol da derrota. Após cruzamento rasteiro, Paulo Henrique aproveitou falha de defesa e, livre, tocou para o gol de Rogério.

 

 

Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos