Menu
SADER_FULL
domingo, 23 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Assessor do PR dá nova versão sobre os R$ 80 mil

17 Mar 2007 - 08h08

 

Ex-assessor e sobrinho do deputado federal Aracely de Paula (PR-MG), Emílio de Paula Castilho, apareceu, de surpresa, na Polícia Civil do Distrito Federal para prestar depoimento sobre a origem dos R$ 80 mil encontrados em seu veículo, no último fim de semana, conforme a Folha de S.Paulo.


Segundo Fábio Michelan, delegado responsável pelo caso, Castilho levou à delegacia os documentos de compra e venda dos três veículos - S10, Gol e Saveiro - que ao todo, chegam ao valor de R$ 60 mil. No depoimento, Castilho explica que os outros R$ 20 eram dele.

Os documentos estavam no nome de Sérgio Braun. No primeiro depoimento, entretanto, Castilho disse que negociou a venda dos carros com um "tal Ivan". "Ele explicou que este Ivan era só um intermediador", disse o delegado.

Castilho foi detido no dia 10 de março pela Polícia Rodoviária, próximo a Brasília, em razão de uma ultrapassagem ilegal que teria feito na BR 040, pela qual acabou multado em R$ 152. Na revista, os policiais encontraram o dinheiro, que Castilho disse ser fruto da venda de três carros.

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
EDUCAÇÃO
‘Desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida’, diz professor agredido em aula
SOB INVESTIGAÇÃO
Jovem é encontrada morta dentro do quarto e esposo está desaparecido
MORTE NO DETRAN
Jovem sofre parada cardíaca durante prova para tirar CNH