Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 17 de junho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Assembléia quer reduzir gastos com publicidade em 80%

25 Abr 2007 - 13h12

A Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul pretende reduzir em 80% os gastos mensais com publicidade nos veículos de comunicação do Estado, baixando de R$ 1 milhão para R$ 200 mil, o que representará uma economia de R$ 9,6 milhões, conforme admitiu o presidente da Casa, Jerson Domingos (PMDB).

Segundo Domingos, o objetivo é corrigir distorções e pagamentos aleatórios e ainda só veicular informações institucionais. Ele considera um absurdo o gasto e que vai ser feito um levantamento dos veículos existentes no mercado, verificando a audiência, acessos, tiragem e excluindo aqueles jornais que “plagiam” as matérias de outros veículos sem conceder crédito.

Para isso, o Conselho de Líderes esteve reunido hoje antes da sessão para tratar do edital de licitação que vai atender as exigências do TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) assinado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a Assembléia para regulamentarem gasto com publicidade.

Desta forma será estabelecida várias exigências, mas que serão contratadas três agências de publicidade para o serviço. Domingos destaca que a economia com os gastos publicitários será investida em outras coisas, como melhorar o salário dos servidores da Casa, ajudar no reajuste da categoria e ainda equipar a Casa de saúde. NA próxima quarta-feira, às 15 horas, será realizada uma nova reunião do Conselho, coordenador pelo deputado estadual Reinaldo Azambuja (PSDB).

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
VENENOSA
Agricultor é picado por cobra jararaca
FORÇA DE VONTADE
Advogado que pedia emprego na rua é contratado e ganha pós-graduação
CASO DE POLÍCIA
Filho mata a mãe e rouba seu cartão para comprar cocaína
EQUIPARADO AO RACISMO
Agora Homofobia é crime, STF criminaliza
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos com depressão comete suicídio e choca cidade