Menu
SADER_FULL
quinta, 24 de maio de 2018
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Assembleia Legislativa homenageia 11 personalidades

14 Jul 2010 - 10h33Por MS Notícias

Por proposição do deputado estadual Cel Ivan (PRTB), por meio da Resolução nº 42, de 24 de junho, foram homenageadas 11 personalidades na noite desta quarta-feira (13), durante sessão solene na Assembleia Legislativa.

Segundo o parlamentar, os agraciados têm reconhecida atuação em Mato Grosso do Sul e contribuem para o desenvolvimento do Estado.

"Escolhemos quem faz algo pela sociedade", disse. "Todos aqui são incansáveis na luta por melhores condições de vida de toda a sociedade", complementou Cel Ivan.

Receberam o Título de Cidadão Sul-Mato-Grossense o padre Adailton José Miorin, Ednir de Paulo e Fátima Aparecida Paulino. Já a Comenda do Mérito Legislativo foi entregue ao major da Polícia Militar (PM) Carlos Sebastião Matoso Braga, ao major da PM Waldir Ribeiro Acosta, ao terceiro sargento bombeiro Paulo Leandro da Costa, a cabo PM Anita Ferreira Caputti, ao policial civil Izildinho dos Santos Sampaio, além de Carlos Alberto de Assis, Cézar Mafus Maksoud e Fernando Pontalti Amorim.

Cidadãos de MS

O padre Adailton José Miorin é natural de Junqueirópolis (SP) e, em 2005, foi ordenado diácono na Paróquia São José, em Campo Grande. Em março deste ano (2010), assumiu a função de membro do Comitê de Assistência Religiosa da Santa Casa de Campo Grande.

Ativista do Movimento Negro em Mato Grosso do Sul, Ednir de Paulo nasceu em Presidente Epitácio (SP) e foi para Corumbá (MS) trabalhar como servidora pública da Câmara Municipal. Na cidade, também presidiu o Conselho Municipal de Defesa e Desenvolvimento da Comunidade Negra. Atualmente, preside o Instituto da Mulher Negra do Pantanal e o Conselho Estadual dos Direitos do Negro em MS (Credine).

Fátima Aparecida Paulino é natural de Peabíru (PR) e veio para Mato Grosso do Sul ainda criança. Graduou-se em Serviço Social e ingressou no Sistema Penitenciário em 1980, onde exerceu várias funções, chegando a diretora do Estabelecimento Penal Feminino de Campo Grande e chefe de divisão dos estabelecimentos penais da Diretoria de Operações.

Comendas

O major Carlos Sebastião Matoso Braga nasceu em Ponta Porã (MS) e fez o Curso de Formação de Oficiais da Academia de Polícia Militar do Bairro Branco, em São Paulo, em 1988. Especializou-se em Educação e Meio Ambiente e atua, desde 1998, como instrutor de Legislação e Meio Ambiente no Centro de Formação Policial da Polícia Militar. Desde março de 2009, comanda o 15º Batalhão de Polícia Militar Ambiental.

O major Waldir Ribeiro Acosta é natural de Campo Grande (MS), graduado em Ciências Jurídicas e pós-graduado em Gestão Pública. Ingressou na PM em 1986, exercendo desde então diversas funções. Hoje, é instrutor, professor e comandante da 2ª Companhia do 15º Batalhão da Polícia Militar Ambiental, em Corumbá.

Corumbaense, o terceiro sargento bombeiro Paulo Leandro da Costa ingressou na PM em 1982 e se dedicou durante mais de 28 anos a servir ao Estado. A cabo PM Anita Ferreira Caputti, que nasceu em Rio Negro (MS), iniciou sua carreira na PM em 1984 e exerceu suas funções em diversas unidades militares. Atualmente, está lotada no 1º Pelotão da 3ª Companhia, em Campo Grande, e participa do Comitê Estadual pelo Fim da Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes de Mato Grosso do Sul (Comcex).

Nomeado para exercer o cargo de agente de polícia em 1985, o policial civil Izildinho dos Santos Sampaio, natural de Campo Grande, trabalhou no Departamento de Polícia Técnica de MS, Delegacia Especializada de Roubos e Furtos e Instituto de Identificação. Há quase 24 anos está lotado na Segunda Delegacia de Polícia da Capital.

Já Carlos Alberto de Assis, nasceu no Distrito de Rosália, em Marília (SP), e dedica a vida ao esporte. Foi zagueiro do Marília Futebol Clube e veio para Campo Grande em 1978, onde fundou diversas federações esportivas e foi vice-presidente da Confederação Brasileira de Tênis. Comandou o Esporte Clube Comercial e a então Fundação Municipal de Esporte (Funcesp).

O advogado e pedagogo Cézar Mafus Maksoud nasceu na Capital, onde foi professor do Ensino Fundamental, Médio e Superior durante 50 anos. Foi procurador jurídico da Prefeitura, da Associação Campo-Grandense de Professores e do extinto INPS. Foi ainda coordenador do Projeto Rondon, no Sul de Mato Grosso, e o primeiro secretário municipal de Promoção Social de Campo Grande.

O empresário campo-grandense e atual diretor da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande, Fernando Pontalti Amorim, é formado em Administração, com MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas(FGV), e é proprietário da Rede de Lojas Ponto Certo Utilidades Domésticas Ltda. A empresa conta com mais de 400 colaboradores diretos e quase 1000 indiretos.


Deixe seu Comentário

Leia Também

DEODÁPOLIS - PONTOS FECHADOS
Em Deodápolis, acessos a Presidente Castelo (MS 145) e Dourados (MS 276) estão bloqueados
NOVELA GLOBAL
“Segundo Sol”: Roberval dá golpe em Laureta e rouba joias
MOVIMENTO DOS CAMINHONEIROS
Caminhoneiros fecham acesso à Dourados pela 10ª Linha em Deodápolis
VIROU "OURO"
Gasolina chega a quase R$ 10 reais e motoristas fazem fila em postos
FALHA NOSSA
Em novo erro, dois homens aparecem em cena de "Segundo Sol", da Globo
LUTADOR DO POVO
Corpo de estudante desaparecido há cinco dias é encontrado enterrado em matagal
APOCALIPSE
Benjamin (Igor Rickli) deve continuar escondido, aconselha Noah (Raphael Sander)
O BRASIL VAI PARAR
Greve de caminhoneiros para 60% das indústrias do Estado
FAMOSIDADES
Bruna Marquezine aos olhos de Neymar: craque registra a namorada nos bastidores
BRUTALIDADE
Jovem é assassinada com mais de 10 tiros de calibre 12 e pistola