Menu
LIMIT ACADEMIA
domingo, 16 de junho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Argentina bate México e pega Brasil na decisão

12 Jul 2007 - 08h06

Com gols de Heinze, Messi e Riquelme, a Argentina derrotou o México por 3 a 0, nesta quarta-feira, no Estádio Polideportivo Cachamay, em Puerto Ordaz, e se garantiu na decisão da Copa América deste ano. Com 100% de aproveitamento na competição, a equipe vai disputar o título com o Brasil, domingo, em Maracaibo.

Assim como na última edição da Copa América, no Peru, em 2004, Brasil e Argentina vão decidir o título da competição. Na ocasião, o time verde e amarelo pôde levantar a taça após sagrar-se vencedor nos pênaltis.

Já o México volta a campo no próximo sábado, para enfrentar o Uruguai, em Caracas, na disputa pelo terceiro lugar da Copa América. O jogo está marcado para às 18h (horário de Brasília), no Estádio Olímpico de Caracas.

O jogo

México e Argentina reeditaram o confronto válido pelas oitavas-de-final da Copa da Alemanha. Na ocasião, o time alviceleste avançou no Mundial após derrotar o rival por 2 a 1, com um gol na prorrogação da partida.

Nesta quarta-feira, o técnico Alfio Basile escalou pela primeira vez na Copa América o atacante Tevez entre os titulares. O ex-jogador do Corinthians ocupou a vaga de Crespo, que se machucou ainda na primeira fase.

Assim como tem feito em toda a Copa América, a Argentina começou a partida mantendo a posse de bola com muitos passes entre seus jogadores. Já o México adotou uma postura defensiva, apostando nos contra-ataques.

Em um deles, os comandados de Hugo Sánchez quase abriram o placar. Aos 34min, Guardado recebeu livre no lado esquerdo do ataque do México, cortou dois zagueiros argentinos e chutou, mas a bola bateu na trave e saiu.

O lance despertou a Argentina, que usou a bola parada para abrir o marcador. Aos 44min, Riquelme cobrou falta em jogada ensaiada, Heinze se antecipou ao goleiro Sánchez e desviou a bola para o fundo das redes.

No segundo tempo, o México foi obrigado a sair do campo de defesa e buscar o empate diante de uma Argentina disposta a surpreender nos contra-ataques, explorando a velocidade da dupla Tevez e Messi.

No entanto, foi o México quem criou o primeiro lance de perigo da etapa final. Aos 8min, Rafa Márquez acertou um belo passe para Castillo. Dentro da área, o atacante bateu cruzado e acertou o travessão.

A Argentina não se abalou com o lance adversário e conseguiu ampliar o placar aos 15min, quando Messi recebeu pelo lado direito do ataque e, com um leve toque na bola, encobriu o goleiro Sánchez, marcando um golaço.

A vitória da Argentina foi definida aos 20min, depois que Tevez foi derrubado por Rafa Márquez dentro da área do México. Na cobrança do pênalti, Riquelme bateu na bola com categoria e deixou sua marca.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
VENENOSA
Agricultor é picado por cobra jararaca
FORÇA DE VONTADE
Advogado que pedia emprego na rua é contratado e ganha pós-graduação
CASO DE POLÍCIA
Filho mata a mãe e rouba seu cartão para comprar cocaína
EQUIPARADO AO RACISMO
Agora Homofobia é crime, STF criminaliza
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos com depressão comete suicídio e choca cidade
REVOLTANTE
Filho é preso por ficar com aposentadoria e manter pais idosos morando em situação de miséria
BARBÁRIE
Nus e amarrados, corpos de três jovens são encontrados mortos em matagal