Menu
SADER_FULL
sábado, 26 de maio de 2018
PASSARELA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Aquidauanense assume administração da Funai

2 Jul 2004 - 10h37

O terena Wanderley Dias Cardoso, da Aldeia Limão Verde, foi eleito com uma diferença de dois votos para ser o novo administrador regional da Funai (Fundação Nacional do Índio) em Campo Grande. Ele substitui Márcio Justino, que foi exonerado na semana passada, após ter sido preso dirigindo bêbado.

Wanderley teve 20 dos 38 votos dos caciques das 5 tribos que ainda existem no estado (guarani, terena, kadiuéo, guató, ofaié), que se reuniram na tarde dessa quinta feira, na sede do órgão. O segundo mais votado foi Carlos Jacobina, que somou 18 votos. De acordo com o novo administrador, seu principal desafio será “reconstruir a imagem da Funai, para que ela volte a ter a credibilidade que tinha antes, interrompendo um processo histórico de sucateamento”.
 
Aquidauna Reporte

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - FOTO DO DIA
FOTO DO DIA: Carreata dos caminhoneiros vista de cima em Fátima do Sul
FÁTIMA DO SUL - GREVE JÁ PREOCUPA
Situação já preocupa o setor alimentício 'Acendemos a luz vermelha', diz empresário em Fátima do Sul
FÁTIMA DO SUL - BUZINAÇO NA AVENIDA
Ao som do Hino Nacional, população e caminhoneiros fazem 'buzinaço' em Fátima do Sul
AGORA - DECISÃO DO PRESIDENTE
#AGORA: Temer aciona Exército 'forças federais' para desbloquear estradas
FÁTIMA DO SUL - CARREATA DOS CAMINHONEIROS
Caminhoneiros preparam carreata e conclamam o comércio para que fechem as portas em Fátima do Sul
COPA DO MUNDO
Dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo não serão feriado
FÁTIMA DO SUL - PROTESTOS CONTINUAM
Bloqueios continuam e caminhoneiros convocam população para 'Parar Fátima do Sul'
VANDALISMO NÃO!
Caminhão é incendiado por manifestantes durante protesto contra aumento de combustível
TRABALHO ESCRAVO
Ministério do Trabalho resgata 15 trabalhadores de situação degradante
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Fugitiva, Manu é perseguida pelo avô cruel, ela busca refugio na casa de Luzia: “Você é