Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 28 de janeiro de 2020
SADER_FULL
Busca
BANNER BET
Brasil

Aposentado pode ter desconto em registro de imóvel

19 Jul 2004 - 14h19
Os pensionistas e aposentados que comprovarem renda de até quatro salários mínimos pagarão somente a metade do valor das custas para registro e escrituração de imóvel, caso seja aprovado o Projeto de Lei 3664/04, do deputado Luiz Calos Santos (PFL-SP). A proposição está atualmente na Comissão de Seguridade Social e Família e tem como relator o deputado Walter Feldman (PSDB-SP).

Garantia de direitos
O autor lembra que a Constituição instituiu como dever da família, da sociedade e do Estado o amparo às pessoas idosas, garantindo a sua dignidade e bem-estar, além do direito à vida. "Ocorre que, nessa faixa etária, os rendimentos que os idosos dispõem mal garantem a compra da enorme quantidade de remédios de que necessitam", afirma.
Dessa forma, explica Luiz Carlos Santos, é justo que as pessoas idosas com menor renda sejam beneficiados da forma que for possível. De acordo com o parlamentar, "uma maneira bem eficiente de lhes garantir a paz na velhice é, sem dúvida, permitir que morem no que lhes pertence de fato, mas não de direito, uma vez que existe a necessidade de registro do imóvel".
 
 
Agência Câmara

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROUNI
MEC suspende inscrições do ProUni por tempo indeterminado
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Cinco pessoas de uma mesma família morrem afogadas em rio
AÇÃO CRIMINOSA
Mecânico embriagado atropela 17 pessoas matando duas
FAMOSIDADES
Ana Maria Braga revela que foi diagnosticada com câncer de pulmão novamente
FAMOSIDADES
Tom Veiga, intérprete do Louro José, casa-se de novo, dois anos após separação
REALITY SHOW 2020
Boca Rosa e Lucas Chumbo se enfrentam no primeiro paredão do 'BBB20'
TRAGÉDIA EM BH 38 MORTES
MG tem 47 cidades em emergência por causa da chuva; 38 morreram
TRAGÉDIA EM BH
Chuva forte provoca 30 mortes, transtornos e alagamentos na Grande BH
ATENTADO
Casa de deputado é atacada com pelo menos 30 tiros de fuzil
SUPERAÇÃO
Ser diagnosticado 5 vezes com câncer em 15 anos não foi capaz de parar campeão paralímpico