Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 16 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Anvisa proíbe expressão "mata tudo" em embalagens

8 Jul 2004 - 15h47
A partir de março de 2005, não serão mais vendidos inseticidas que tenham em suas embalagens a expressão "mata-tudo". A Anvisa e a Associação Brasileira de Aerossóis e Saneantes (Abas) acordaram que a produção dessas embalagens será extinta em setembro de 2004 e a comercialização em março do próximo ano.

A expressão muito utilizada como nome comercial dos inseticidas pode passar uma falsa expectativa ao consumidor de que o produto vai combater além de baratas, mosquitos e outros insetos, animais que também são comuns em residências, como aranhas e escorpiões. Para evitar esse tipo de confusão, o nome "mata-tudo" será banido do mercado brasileiro.
 
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat