Menu
LIMIT ACADEMIA
quinta, 22 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

ANTT apura causas de acidente ferroviário no Paraná

20 Jul 2004 - 09h16
Uma equipe da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), chefiada pelo engenheiro Mauro Simões de Almeida, está no Paraná para apurar as causas do acidente ferroviário ocorrido entre os municípios de Iguaçu e Morretes. Na localidade, 35 vagões carregados com açúcar, milho e farelo de soja despencaram da ponte (80 metros de altura) sobre o rio São João (Km 62).

As mercadorias estavam sendo levadas para o porto de Paranaguá (PR). Hoje, às 10h, na sede do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), em Curitiba (R. Engenheiros Rebouças, 1206 – Rebouças), o presidente do IAP, Rasca Rodrigues, dá entrevista coletiva à imprensa. Vai falar sobre a incidência de desastres ocorridos com os trens da empresa América Latina Logística (ALL).

Em pauta o relatório que o IAP entregará à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) – que fiscaliza e libera a concessão das ferrovias – sobre os acidentes envolvendo a ALL no Paraná.

Com informações do Ministério dos Transportes

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos
MAL SUBITO
Policial militar tem mal súbito e morre no mesmo dia que descobriu que seria pai
NOVELA GLOBAL
Régis oferece vender loja para dar dinheiro a Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
POLÊMICA
Vale Tudo: projeto libera casamento entre mães e filhos e revolta MS
100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
100 PENA
'Não tem que ter pena', diz Jair Bolsonaro sobre uso de atirador de elite após sequestro de ônibus
ACIDENTE TRÁGICO
Morte de três profissionais em acidente comove a cidade