Menu
SADER_FULL
domingo, 21 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

André Puccinelli é reeleito em Mato Grosso do Sul com mais de 56%

3 Out 2010 - 18h58Por G1

O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), foi reeleito no primeiro turno das eleições, neste domingo (3). Com 94,34% das seções apuradas às 19h42, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que ele teve 56,43% pode mais ser ultrapassado pelo ex-governador Zeca do PT, com 42,04%.

O candidato do PSOL, Nei Braga, teve 1,53% dos votos.

Durante a campanha, Puccinelli e Zeca do PT foram alvo de denúncias de envolvimento num suposto esquema de desvio de dinheiro da Assembleia Legislativa do estado. Puccinelli teria sido citado num vídeo pelo primeiro-secretário da Assembleia Legislativa do estado, deputado Ary Rigo (PSDB), como um dos beneficiários do esquema. O governador negou as acusações.

Zeca também foi citado por Rigo num vídeo que indicaria a existência de um suposto "mensalão" pago com dinheiro público a autoridades do estado. Segundo reportagem do jornal "Folha de S.Paulo", o deputado afirma, na gravação, que o governo de Zeca favoreceu uma empreiteira. O petista também
negou as denúncias.

A Procuradoria de Justiça de Mato Grosso do Sul abriu uma
investigação civil para apurar as denúncias.

Trajetória
André Puccinelli nasceu em 02/07/1948 em Viareggio, na Itália, e veio para o Brasil com seis meses de idade. O peemedebista é casado, tem três filhos, graduou-se em medicina e fez especialização em cirurgia geral. Começou a carreira política como secretário Estadual de Saúde.

Foi prefeito de Campo Grande por dois mandatos consecutivos (1996-2004). Durante os oito anos de gestão, investiu na infra-estrutura da capital, ampliou o atendimento 24 horas em postos de saúde e informatizou escolas. Em 2004, conseguiu eleger em primeiro turno o sucessor, Nelson Trad Filho (PMDB).

Em 2006, candidatou-se ao governo e venceu a eleição no primeiro turno. Ele derrotou o senador Delcídio Amaral com larga vantagem: 61,3% dos votos válidos.

No governo, Puccinelli se envolveu numa polêmica com o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, a quem chamou o ministro de "veado fumador de maconha" ao criticar um projeto de zoneamento agroecológico da cana-de-açúcar. Minc rebateu afirmando que o governador deveria “examinar e tratar com mais carinho o homossexualismo que existe dentro dele". Puccinelli pediu desculpas pelas declarações.

Campanha
Puccinelli venceu as eleições propondo medidas práticas em relação a alguns setores. Entre suas propostas estão a criação da Secretaria Estadual de Empreendedorismo, a pavimentação de mil quilômetros de rodovias, construção de conjuntos habitacionais adaptados para a terceira idade e instalação de câmeras de vigilância nas cidades, em convênio com as prefeituras.

Na educação, prometeu implantar o ensino profissionalizante, ampliar o número de escolas em período integral e criar “centros de estudos avançados de educação” para integrar a universidade com as escolas públicas. Em relação à saúde, destacam-se as propostas para
implantar centros regionais de especialidades e o serviço de “Tele Saúde”, uma espécie de diagnóstico à distância para apoio aos médicos de saúde da família.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz se recusa a enxergar caráter de Josiane em 'A dona do pedaço'
REGIME SEMIABERTO
Goleiro Bruno deve sair da cadeia no fim da tarde desta sexta-feira
CASO RARO
Bezerro de seis patas chama atenção moradores de Santa Helena – Veja Vídeo
MONSTRUOSIDADE
Vizinho é preso suspeito de estuprar e estrangular menina de 8 anos
CASA PRÓPRIA
Recurso de R$ 1 bilhão é destinado ao Minha Casa, Minha Vida
VIDA SAUDÁVEL
Homem mais velho do Brasil falece no Rio de Janeiro
BASTA DE IMPRUDÊNCIA
Enlutada pelas mortes, população deixa faixa contra imprudência na PR-082
VIOLENCIA
Motorista atropela manifestantes do MST e mata um idoso