Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 20 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

André admite não disputar Governo se Nelsinho perder

25 Set 2004 - 10h18
O prefeito André Puccinelli (PMDB) chorou, por três vezes, ao manifestar a sua preocupação com o deputado estadual Nelsinho Trad, candidato da coligação do PMDB, não vencer as eleições no primeiro turno. Em discurso feito na reunião com cerca de mil pessoas no Clube da Associação Esportiva Nipo-Brasileira, o prefeito alertou sobre a dificuldade de Nelsinho vencer as eleições se ocorrer o segundo turno. “E aí eu não vou ser governador”, afirmou.
   
   As pessoas que participaram da reunião são basicamente servidores municipais. André queixou-se da falta de empenho dos comissionados na campanha de Nelsinho Trad e ressaltou, mais uma vez, que a derrota poderá prejudicar o seu projeto para 2006. Mas Nelsinho ainda acredita que poderá sair vencedor no primeiro turno. E, se isso não ocorrer, André poderá ser considerado um derrotado politicamente, mesmo que Nelsinho vença no segundo turno.
   
   Além disso, o PMDB não estaria preparado para disputar o segundo turno. O que vem pesando no desgaste do candidato peemedebista é a cobrança da contribuição de melhoria sobre o asfalto, tributo apelidado de taxa pelo candidato do PT, deputado federal Vander Loubet. As explicações de André sobre esse tributo não estão convencendo nem os aliados políticos e muito menos o eleitorado.
   
   Vander descobriu esse ponto fraco da administração de André Puccinelli e vem tirando proveito nos últimos dias da campanha eleitoral. O problema é a grande rejeição de Vander. De qualquer forma, é o principal nome para disputar um eventual segundo turno em Campo Grande. 
   
 
 
Correio do Estado

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS