Menu
SADER_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Anatel autoriza reajuste de 2,13% na tarifa de telefonia fixa em MS

18 Jul 2007 - 07h45

O reajuste das tarifas de telefonia para ligações de aparelho fixo para fixo será de 2,1385% em Mato Grosso do Sul, mercado atendido pela Brasil Telecom, enquanto as ligações de fixo para celular terão reajuste de 3,28987%. A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) divulgou ontem a mudança nas tarifas.

O reajuste para as ligações fixas só valerá a partir de 1º de outubro. A Anatel determinou o prazo de três meses para o início das novas tarifas para que o consumidor não confunda o início da vigência do reajuste com a transferência da cobrança de pulso para minuto, que poderá trazer mudanças nas tarifas.

A Anatel autorizou ainda um reajuste de até 8,06% para chamadas interurbanas e internacionais, mas não divulgou o índice por companhia. Para a telefonia móvel, interurbano e internacional, o reajuste passa a valer 48 horas depois de as empresas publicarem os novos índices em jornais de grande circulação.

O valor do crédito para utilização dos Telefones de Uso Público, os "orelhões", sofrerão reajuste de 2,16% e passa a ser R$ 0,1185, com impostos, único em todo o território nacional. O valor médio ficou abaixo do IST (Índice de Serviços de Telecomunicações), que mede a variação de preços do setor de telefonia fixa e foi em 2,92% nos últimos 12 meses.

Ficou também abaixo do IPCA (3,18%) e do IGPI-DI (4,38%). Além do IST, a Anatel leva em consideração os ganhos de produtividade das telefonias fixas. O índice começou a ser calculado no ano passado e substituiu o IGP-DI na determinação dos reajustes.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos