Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de dezembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Anatel aplica multa de R$ 660,6 mil contra a BrasilTelecom

24 Jul 2004 - 07h24

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) aplicou multa de R$ 660.614,40 a BrasilTelecom, operadora de STFC (Serviço Telefônico Fixo Comutado) na Região 2 do PGO (Plano Geral de Outorgas), pelo fechamento de lojas em Mato Grosso do Sul, Rondônia e Acre. As decisões do Conselho Diretor da Agência – às quais não cabe mais recurso no âmbito da Agência – foram publicadas no DOU (Diário Oficial da União) desta sexta-feira.

As multas aplicadas em função do fechamento de lojas são conseqüência do descumprimento do artigo 32 do PGMQ (Plano Geral de Metas de Qualidade) em 2000. Nele, é determinada a necessidade de atendimento público que permita ao usuário efetuar interação relativa à prestação do serviço em toda localidade com acessos individuais do STFC.

Apenas em Mato Grosso do Sul, a BrasilTelecom foi multada em R$ 192.679,20, segundo a Anatel. Com as sanções publicadas pela Anatel nesta sexta-feira, o total de multas aplicadas contra as concessionárias em função do fechamento de lojas de atendimento em todo o País chega a R$ 22,2 milhões.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

A QUE PONTO CHEGAMOS
Mãe mata o próprio filho após ser flagrada com amante pelo menino
MINÍSTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Tereza Cristina anuncia seis secretários para Ministério
FAMOSIDADES
Silvio Santos se pronuncia sobre polêmica com Claudia Leitte e reage a campanha feminista
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Sóstenes cometeu crime por amor a Luz
ABUSO SEXUAL
João de Deus se entrega para a polícia
ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'