Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 19 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Alunos surdos vão conhecer clássicos da literatura em Libras

29 Jul 2004 - 17h59
Hoje à tarde, foi apresentado aos professores e instrutores do Centro de Capacitação de Profissionais da Educação e de Atendimento às Pessoas com Surdez (CAS), vinculado à Secretaria de Estado de Educação (SED), a Coleção Clássicos da Literatura em Libras/Português em CD-ROM, que será disponibilizado gratuitamente para os 77 municípios do estado. A iniciativa de traduzir integralmente textos literários para a Língua Brasileira de Sinais (Libras) é pioneira em todo o mundo.

O projeto visa promover o acesso de crianças e jovens surdos à literatura clássica universal, aliando às novas possibilidades da tecnologia. As histórias são contadas através da Língua Brasileira de Sinais (Libras) e em português escrito. Os títulos escolhidos para o lançamento do projeto foram Alice no País das Maravilhas, Iracema e Pinóquio. As duas primeiras histórias têm duração de aproximadamente duas horas. Já Pinóquio é mais curto, mas foram incluídos no CD uma série de jogos interativos. No próximo volume, será traduzido o texto de Aladim, outro personagem infanto-juvenil.

As histórias são traduções culturais do texto original, possibilitando que a criança e o jovem surdos desenvolvam a criatividade e a imaginação. “A história infantil é um instrumento importantíssimo para o desenvolvimento infantil porque, através das dela, os jovens podem formar conceitos, ter noções de respeito ao próximo e ao meio ambiente. Se isso não for transmitido aos surdos na linguagem deles, eles nunca terão acesso”, afirma a coordenadora do CAS, Cícera Celma Cosmo de Arruda, lembrando que 96% dos surdos brasileiros são filhos de pais ouvintes que não dominam a Libras, o que prejudica a tradução de obras escritas em português.

No Brasil, já existem alguns trabalhos que contam histórias infantis em vídeo, como Chapeuzinho Vermelho, A lenda do Guaraná e a Raposa e a Uva. Esse vídeos comparam a língua portuguesa à Libras, mostrando como cada palavra pode ser expressa de forma diferente. No entanto, É a primeira produção literária em multimídia voltada especificamente para os surdos e disponibilizada gratuitamente para todo o Brasil.

A idéia de produzir a Coleção Clássicos da Literatura em Libras/Português em CD-ROM partiu da Editora Arara Azul, conquistando o patrocínio da IBM Brasil e apoio da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj), do Ministério da Cultura, através da Lei Rouanet e do Ministério da Educação (MEC). Foram produzidos 3.000 cópias, sendo permitida a reprodução. Através do projeto Reinventando a Educação, a IBM levará a coleção também à Austrália, Cingapura, China, Estados Unidos, Irlanda, Itália, México, Reino Unido e Vietnã.


Abrindo caminhos

Um dos aspectos culturais do trabalho é a possibilidade de incentivar que os surdos passem a produzir suas próprias obras de literatura na língua deles, a Libras. As histórias são “contadas” a partir de interpretações dos tradutores, pois para o surdo é fundamental a expressão corporal. “O mais importante para o surdo é o visual, por isso cada palavra tem uma configuração, conforme o contexto”, explica Cícera.

 

Agência Popular


Deixe seu Comentário

Leia Também

ATAQUE CANINO
Criança de dois anos é morta no quintal de casa por cachorro rottweiler
INFANTICIDIO
Padrasto teria sentado em cima da cabeça de bebê que morreu,foi espancado na cadeia
SOB INVESTIGAÇÃO
Jornalista do site Lei Seca Maricá foi assassinado com 3 tiros
VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento