Menu
SADER_FULL
segunda, 16 de setembro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Aluno com "bens de luxo" tem desempenho melhor no Enem

13 Jul 2004 - 11h04
Os alunos que vivem em famílias com bens associados ao poder socioeconômico, como TV, computador, acesso à internet, carro e telefone tiveram desempenho melhor no Enem 2003 (Exame Nacional do Ensino Médio).

De acordo com o Inep (instituto de pesquisas do Ministério da Educação), que aplicou o exame, estudantes que declararam ter esses itens tiveram 22 pontos a mais (63 a 41), em média, na prova objetiva do que aqueles desprovidos ou com pouco acesso a esses artigos. A escala vai de zero a 100.

Outro fator verificado relacionado à renda foi o desempenho dos alunos que freqüentaram cursos de língua estrangeira, informática e pré-vestibular. Esses estudantes obtiveram 17 pontos acima (62 a 45), em média, em relação àqueles que tiveram pouca ou nenhuma oportunidade de fazer esses cursos.

Para chegar a essas conclusões, o Inep cruzou os resultados do Enem com as respostas dos participantes ao questionário socioeconômico do Exame. As informações, produzidas pela primeira vez, constam no relatório encaminhado a todas as escolas de ensino médio.

A média geral na prova objetiva foi 49,5 pontos. Fizeram o exame 1,3 milhão de estudantes do último ano do ensino médio. Atualmente, a prova é opcional, mas o Ministério da Educação quer tornar-la obrigatória.

Outros fatores

O levantamento mostra também uma diferença de sete pontos na média entre os alunos que lêem, com freqüência, jornais, revistas e livros e aqueles que não o fazem (53 a 46).

Os aspectos da escola também pesam na pontuação. A média dos participantes que declararam estudar em estabelecimentos com melhor infra-estrutura foi de 55, contra 48 dos que avaliaram mal a sua escola.

Outro fator identificado pelo Inep, que reflete no desempenho na prova, é o interesse do participante por assuntos da atualidade. A média de quem tem menos interesse por política nacional e internacional, da economia e com os que envolvem as questões sociais e ambientais foi de 46; de quem tem mais, 55.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
PM é torturado e morto após circular boato de que seria 'estuprador'
JULGAMENTO
PMs acusados de chacina taparam câmera de segurança antes do crime
CASO DE POLÍCIA
Catador de reciclável recebe mochila com bebê congelado dentro
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo morre após carro bater em árvore em rodovia de MS
FAMOSOS
David Brazil causa ao expor bumbum de Anitta sem ela saber
ACIDENTE FATAL
Câmera de segurança registrou acidente fatal de enfermeira. VEJA O VÍDEO
MONSTRUOSIDADE
Homem que matou mãe e filha em Cascavel escreveu carta. Bebê tomou mamadeira “batizada”
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mulher e marido são presos suspeitos de estuprar menina de 11 anos que dormia na casa deles
SUPERSTIÇÃO
Primeira sexta-feira 13 do ano com noite de lua cheia pode ser perigosa, alerta taróloga
ESPORTE
Poderá o poker se tornar olímpico?