Menu
SADER_FULL
sábado, 20 de julho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Alimentos sobem e prévia da inflação oficial dobra em outubro

20 Out 2010 - 10h30Por Reuters
O Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) registrou alta de 0,62% em outubro, o dobro da taxa verificada em setembro (0,31%), segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira. O índice é uma prévia do IPCA, que é utilizado nas metas de inflação do governo brasileiro.

"Carnes, frango, feijão e trigo, alimentos importantes no orçamento das famílias e em período de menor oferta, tiveram fortes altas no mês e foram os principais responsáveis pela aceleração do IPCA-15 de setembro para outubro, levando o grupo alimentação e bebidas a uma variação de 1,70%, maior do que a anterior, de 0,30%", afirmou o IBGE em nota.

Com isso, a alta dos preços de alimentos foi responsável por 63% da taxa no mês. Um dos maiores vilões foi o custo das carnes, que subiram 4,93% - frango (5,69%), macarrão (2,68%), pão francês (2,53%), biscoito (1,51%), feijão carioca (24,56%) também tiveram altas expressivas.

No acumulado do ano, o índice está em 4,17%, acima do índice de igual período de 2009 (3,34%). Nos últimos 12 meses a taxa ficou em 5,03%, acima dos 12 meses imediatamente anteriores (4,57%). Em outubro de 2009, o IPCA-15 havia sido de 0,18%.

Outros grupos também pressionaram o IPCA-15: os preços de Habitação aceleraram a alta para 0,49% em outubro contra 0,32% em setembro, enquanto os de Artigos de residência subiram 0,70% agora contra variação positiva anterior de 0,18%.

Os preços de Vestuário passaram de avanço de 0,50% em setembro para 0,62% neste mês, e os de Despesas Pessoais subiram 0,63% agora, contra elevação anterior de 0,34%. Já os custos de Transportes passaram para queda, de 0,07%, após subirem 0,33% no mês passado.

O IPCA-15 é o último dado de inflação divulgado antes de o Comitê de Política Monetária (Copom) anunciar sua decisão sobre a taxa de juro brasileira, a Selic, após o fechamento dos mercados nesta quarta-feira. Segundo pesquisa, analistas esperam estabilidade em 10,75%.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz se recusa a enxergar caráter de Josiane em 'A dona do pedaço'
REGIME SEMIABERTO
Goleiro Bruno deve sair da cadeia no fim da tarde desta sexta-feira
CASO RARO
Bezerro de seis patas chama atenção moradores de Santa Helena – Veja Vídeo
MONSTRUOSIDADE
Vizinho é preso suspeito de estuprar e estrangular menina de 8 anos
CASA PRÓPRIA
Recurso de R$ 1 bilhão é destinado ao Minha Casa, Minha Vida
VIDA SAUDÁVEL
Homem mais velho do Brasil falece no Rio de Janeiro
BASTA DE IMPRUDÊNCIA
Enlutada pelas mortes, população deixa faixa contra imprudência na PR-082
VIOLENCIA
Motorista atropela manifestantes do MST e mata um idoso