Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Agepen utiliza sistema inédito para identificar candidatos

20 Ago 2007 - 08h37
Os candidatos que participaram do concurso para Agente Penitenciário de MS, na última sexta-feira (16) e no sábado (17) foram identificados com um sistema desenvolvido pela Gerência de Inteligência da Agepen (GISP) que usa a técnica da biometria.
A tecnologia reúne recursos de identificação biométrica, ou seja, através de características individuais do corpo humano, como o aspecto da íris, impressões digitais, e outros tipos de medidas. O método desenvolvido pelos servidores da Agepen utiliza ainda fotos e cadastros para criar um perfil de identificação.
A expectativa é de que a tecnologia sul-mato-grossense, semelhante às utilizadas por diversos órgãos federais, ajude na fiscalização e controle do acesso aos presídios estaduais. O método deve também ser aplicado para criar um cadastro de identificação dos presos, de visitantes e familiares.
Na prática, é utilizada uma webcam e um identificador de impressões digitais. Um computador faz a identificação em tempo real com margem de precisão próxima dos 100%.

 

 

Mídia Max


Deixe seu Comentário

Leia Também

GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos