SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 20 de Novembro de 2017
RIO_DOURADOS
DELPHOS_FULL
25 de Agosto de 2017 16h06

Advogada é estrangulada por ex-noivo, que a atropelou para se certificar da morte, no ES

Encontrado em casa, Rogério confessou o crime na delegacia.

Extra

Um homem de 34 anos foi preso em flagrante pela morte de sua ex-noiva, na cidade de Serra, Região Metropolitana da Vitória, no Espírito Santo. Segundo a Delegacia Especializada de Homicídio contra a Mulher, Rogério Costa de Almeida estrangulou a advogada Gabriela Silva de Jesus, de 24 anos, e depois atropelou a vítima para se certificar de que ela estava morta. Ao tentar fugir, porém, o pneu do carro furou, e o automóvel ficou no local.

 

Encontrado em casa, Rogério confessou o crime na delegacia. Ele responderá por feminicídio, quando a mulher é morta pela condição do sexo feminino.

Policiais da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prenderam também Alexandre Santos de Souza, de 31 anos, amigo de Rogério e proprietário do veículo usado no crime, que ocorreu na última quinta-feira. Ele negou a cumplicidade, alegando ter sido sequestrado naquele mesmo dia. Mas, segundo a polícia, o suspeito responderá por homicídio qualificado.

 

Alexandre, proprietário do veículo utilizado no crime, negou participaçãoAlexandre, proprietário do veículo utilizado no crime, negou participação Foto: Divulgação da Polícia Civil do Espírito Santo

 

De acordo com o delegado Janderson Lube, responsável pelo caso, Rogério e Gabriela mantiveram um relacionamento "sempre conturbado" por cinco anos. No início deste ano, ela terminou o noivado, ao que Rogério reagiu ameaçando e perseguindo a vítima. Gabriela, porém, não registrou ocorrência contra ele.

— Como Rogério manteve um relacionamento com a vítima, seu crime foi enquadrado como feminicídio. Ele estudou Direito com Gabriela, mas acredito que não estivesse mais na faculdade — afirmou o delegado, salientando que o preso pode ter atropelado a ex-noiva para fazer o crime se parecer com um acidente.

 

Gabriela terminou noivado com Rogério no início do anoGabriela terminou noivado com Rogério no início do ano Foto: Facebook/Reprodução

 

Em depoimento, parentes da vítima disseram ter visto a advogada pela última vez por volta das 11h30, quando ela saiu de casa. Como ela não apareceu no trabalho, a família foi buscar informações e soube que uma mulher foi levada à força por um homem no bairro de Colina de Laranjeiras, informou Lube.

O corpo, já liberado pelo Instituto Médico Legal (IML), foi encontrado com diversas lesões e vestígios de asfixia por volta das 20h30 em um local onde também estava um veículo no nome de Alexandre.

Rogério estava em sua casa no momento da prisão. À polícia, ele contou sobre a participação de Alexandre no homicídio, indicando aos investigadores onde o cúmplice morava, em Santa Rita, Vila Velha. Alexandre disse aos agentes que o carro foi roubado, mas a polícia informou que não há qualquer ocorrência de furto ou roubo do veículo.

— Depois de apresentar várias provas para Rogério, foi difícil com que ele contasse mais informações sobre o caso, mas, por fim, ele admitiu o crime e contou sobre o Alexandre. Na delegacia, formalizamos a confissão — disse Lube.

Ao ser ouvido pela polícia, Alexandre alegou que mais cedo, naquele mesmo dia, havia sido sequestrado próximo ao Terminal de Itaparica, por dois indivíduos encapuzados, quando escutou uma voz de menina e sons de pessoas agredindo-a.

Comentários
Veja Também
LOJA_02
Nossa_Lojas
FÁBRICA_CALÇADOS
Últimas Notícias
  
pupa
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.