Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Advogada afirma que Rogério não volta para o Corinthians

23 Jul 2004 - 07h57
A advogada do jogador Rogério, Gislaine Nunes, declarou, nesta quinta-feira, que o jogador não voltará atrás em sua decisão de acionar o Corinthians na Justiça para conseguir sua liberação, mesmo após ter seu pedido de liminar negado na tarde de quarta.

Caso fosse concedida, a liminar permitiria que o jogador assinasse contrato imediatamente com o Sporting, de Portugal, que apenas aguarda a resolução do caso para firmar contrato com o meia.

"Isso [voltar a treinar no clube] é impossível. Estamos aguardando o resultado da sentença, que sairá na terça-feira", explicou a advogada, referindo-se à nova audiência, que será realizada na terça, na 20º Vara do Trabalho de São Paulo, com presença de representantes das duas partes.

A advogada reconheceu que o valor de R$ 15 milhões pedido pelo jogador como indenização é alto. "Eu considero absurdo, mas eu não tenho culpa. Não fui eu quem criou a lei", disse Gislaine.

Dirigentes corintianos haviam declarado, na quarta-feira, que ainda consideravam Rogério como empregado do clube e que o meia estava apenas "faltando ao trabalho" e que, portanto, poderia voltar a jogar pela equipe.

O jogador abandonou a equipe paulista na segunda-feira, alegando não ter recebido pagamento entre os meses de agosto e dezembro de 2003. Rogério atuava como capitão do Corinthians no Campeonato Brasileiro e também é o artilheiro do time na competição, com seis gols.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos
MAL SUBITO
Policial militar tem mal súbito e morre no mesmo dia que descobriu que seria pai
NOVELA GLOBAL
Régis oferece vender loja para dar dinheiro a Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
POLÊMICA
Vale Tudo: projeto libera casamento entre mães e filhos e revolta MS
100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
100 PENA
'Não tem que ter pena', diz Jair Bolsonaro sobre uso de atirador de elite após sequestro de ônibus
ACIDENTE TRÁGICO
Morte de três profissionais em acidente comove a cidade