Menu
SADER_FULL
segunda, 19 de novembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Acidentes custam R$ 135 milhões por ano ao SUS

18 Ago 2007 - 10h50
O Sistema Único de Saúde (SUS) gasta mais de R$ 135 milhões por ano com atendimentos e internações de vítimas de acidente de trânsito no Brasil. Minas Gerais é o segundo estado brasileiro em número de internações de motociclistas e ocupantes de automóveis pelo sistema. O estudo foi revelado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), nesta sexta-feira. As informações são do telejornal MGTV.
A pesquisa revela que 17% das 17.944 internações de motociclistas no país acontecem em Minas. O primeiro no ranking é São Paulo, que concentra 33% do total. Já em relação a passageiros de carros, Minas Gerais detém 12% das internações, atrás apenas de São Paulo, com 31% dos 15.175 registros.
O Ipea usou dados referentes aos anos de 1999 até 2001. Só no primeiro semestre deste ano, o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte, recebeu a internação de 7.870 vítimas, incluindo atropelamento e acidentes com carretas e caminhões.
 
 
Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVO GOVERNO
Desistência de general para ministério leva crise ao QG de Bolsonaro
ASSASSINATO
Câmeras flagram dupla efetuando mais de 30 tiros contra homem; veja o vídeo
TRISTEZA
Menino de 10 anos comete suicídio após a prisão do pai
MALDADE
Câmera de segurança flagra homem colocando fogo em casinha comunitária para cachorros
FATIMASSULENSES EM UBATUBA (SP)
Fatimassulenses, alunos do Vicente Pallotti fazem curso de biodiversidade marinha em Ubatuba (SP)
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Gabriel se declara para Luz e os dois se beijam
MULHERES TEM QUE DENUNCIAR
Jovem posta foto com rosto inchado para denunciar agressão do namorado
ENCONTRO DE GOVERNADORES
Em encontro de governadores com Bolsonaro, Reinaldo defende fronteira e reajuste da tabela SUS
VIOLENCIA DOMESTICA
Homem é esfaqueado por esposa que tem ciumes até da sombra
ENTROU ATIRANDO
VÍDEO: Pastor é baleado no altar durante o culto