Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Abadia diz que só sai de presídio para ir aos EUA

27 Ago 2007 - 13h36
O traficante colombiano Juan Carlos Ramírez Abadia, preso em Aldeia da Serra (SP) pela Polícia Federal no começo do mês, disse hoje, em entrevista ao Fantástico que só deixará o presídio federal de Campo Grande para ir a outros presídios de segurança máxima dos Estados Unidos.
"Acho que a melhor solução para ambos os governo é eu ir para os EUA", disse ele, após afirmar que sua presença no sistema penitenciário brasileiro é um "batata quente" para o governo.
Abadia deixa claro que se procupa com sua segurança e diz que teme pela vida dos cinco filhos. Por eles, o traficante fez pacto para não revelar nada sobre os cartéis em que esteve envolvido. "De todas as pessaos que começaram comigo, só ficaram dois ou três. O resto morreu", disse.
No presídio de segurança máxima de Campo Grande, Abadia não tem contato com outros presos, como o traficante Fernandinho Beira-Mar. Em sua cela, não há televisão e ele não tem direito à visita íntima. O detento pode tomar um banho de sol por dia.
Considerado chefe do cartel colombiano de drogas Norte del Valle, Abadia é requerido pelos Estados Unidos por tráfico de drogas e pelo assassinato de 15 pessoas, incluindo policiais. O criminoso também é acusado no Brasil de lavagem de dinheiro e de ordenar cerca de 300 assassinatos na Colômbia.
 
 
Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho