Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

603 mil deixaram de receber abono do PIS/Pasep

5 Jul 2007 - 14h08

O Ministério do Trabalho informou nesta quinta-feira (5) que 603 mil trabalhadores deixaram de sacar, neste ano, o abono do PIS (Programa de Integração Social) e do Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público). Deixaram de ser pagos R$ 229 milhões, que voltam para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). Em 2007, porém, mais de 11 milhões de pessoas receberam o abono.

O prazo para receber o abono do PIS/Pasep acabou na última sexta-feira, dia 29 de junho. Tinha direito de receber os valores toda pessoa que, em 2005, recebeu até dois salários-mínimos por mês e que trabalhou pelo menos 30 dias com carteira assinada. Os assalariados que trabalharam antes de 1988 e que tenham saldo no PIS/Pasep também podem sacar.

 

Para o ano-base 2006, informou o Ministério do Trabalho, os recursos poderão ser sacados até o dia 30 de junho de 2008. Entretanto, o pagamento é feito de acordo com a data de nascimento, no caso do PIS, o com base no número final de inscrição no caso do Pasep. Em julho deste ano, por exemplo, já podem receber os nascidos no mês de julho (PIS) e com inscrição final 1 e 2 (Pasep).

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho