MEGA_OKA_CARROS_
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 12 de Dezembro de 2017
DELPHOS_FULL
RIO_DOURADOS
17 de Setembro de 2004 16h30

31ª rodada do Brasileirão começa neste sábado

Quatro partidas vão movimentar a 31ª rodada do Campeonato Brasileiro neste sábado, quando o atual líder da competição, o Santos, recebe o Atlético-MG na Vila Belmiro, às 17h (horário de Mato Grosso do Sul).

O técnico do Peixe, Vanderlei Luxemburgo, terá mais uma opção para escalar o time. Na quinta-feira passada, o lateral-direito Paulo César foi liberado pelo departamento médico após três semanas afastado por causa de uma lesão muscular na coxa direita e está à disposição para o jogo contra os mineiros.

Preto Casagrande deve entrar no lugar de Zé Elias, suspenso pelo cartão vermelho recebido contra o Palmeiras. O meia agradou o treinador na partida de quarta-feira, contra o Flamengo pela Copa Sul-Americana, e formará o setor com Fabinho, Ricardinho e Elano. Na equipe da baixada, não estão confirmados as escalações de Deivid, desfalque nos últimos treinos, e o zagueiro Antônio Carlos, vetado com tendinite no adutor esquerdo.

Em Santa Catarina, também às 17h, o Criciúma recebe a equipe do Fluminense, que pode ter a ausência de Roger, que está com conjuntivite. Ele chegou a ser liberado do treino da manhã de ontem e do jogo deste sábado. O jogador pediu para ser reexaminado e foi autorizado a viajar com a delegação.

Sua escalação, no entanto, ainda depende da evolução da doença. Segundo o médico Michael Simoni a conjuntivite viral, que atinge o jogador, tem ciclo de três a sete dias. No sábado, Roger estará entrando no quarto dia de tratamento desde que contraiu a infecção.

Caso não possa jogar, Esquerdinha e Juca disputam uma vaga no meio. Para evitar contaminação do resto do grupo, Roger viajará de óculos e ficará isolado dos companheiros tanto no avião quanto no hotel, em que ficará sozinho num quarto.

Já em Curitiba, no estádio Pinheirão, o Paraná recebe o Guarani, às 15h. O time da casa contava com o reforço do Alecsandro, mas o jogador foi impedido pela diretoria do Vitória, seu atual clube, a se transferir para a equipe da Vila Capanema.

Apesar da notícia inesperada, o Tricolor recebeu os reforços do atacante Marquinhos e do zagueiro Emerson que se apresentaram na quinta-feira passada. Este último já atuou inclusive pela seleção brasileira.

A situação do zagueiro ainda não está definida. O jogador depende da chegada de seus documentos que estão no Japão até esta sexta-feira para sua inscrição na CBF.

O técnico do Paraná, Paulo Campos, deve mandar o seguinte time a campo: Flávio; Eto, Fernando Lombardi, João Paulo, Edinho; Everton César, Beto, Cristian, Canindé; Maranhão e Galvão.

E no ABC Paulista, no estádio Anacleto Campanella, o São Caetano duela com o Grêmio, às 15h. Na equipe gaúcha, que enfrenta crise interna desde que perdeu para o Inter, pela Sul-Americana, na quarta-feira passada, o técnico Cuca confirmou que seguirá no comando do tricolor gaúcho. Após muita especulação sobre sua saída do clube, Cuca fez questão de frisar que se o Grêmio cair para a 2ª divisão, ele “vai junto”.

Além do técnico Cuca, outro alvo da torcida gremista nos últimos dias foi o atacante Christian, que quase foi agredido no Olímpico, após a derrota para o rival Inter. O atacante afirmou que, se um dia isso acontecer, deixará a equipe. Mesmo assim, ele deve integrar o elenco gaúcho para o jogo deste sábado.

Já no São Caetano, o técnico Péricles Chamusca, deve fazer apenas uma mudança no time titular do Azulão: sai o volante Paulo Miranda, machucado, entra Marcelo Mattos. A baixa aconteceu no primeiro minuto do jogo contra o São Paulo, quarta-feira, pela Copa Sul-Americana, no ABC. Miranda teve uma lesão muscular na coxa direita e foi substituído. Por causa disso, deve ficar fora do time por cerca de dez dias. 

À exceção deste problema, o restante do time está disponível. Na apresentação dos jogadores, nesta quinta-feira à tarde, Ânderson Lima, que foi expulso no jogo contra o Tricolor, considerou justa a punição, mas considerou ruim a arbitragem de Sílvia Regina de Oliveira.

A diretoria do time confirmou a contratação de Ricardo Alves, meia e ala-esquerdo, que estava no Democrata, de Governador Valadares-MG. Ele só tem 22 anos, mas já atuou no Nacional da Ilha da Madeira, em Portugal, Kaiserslautern, da Alemanha, Ipatinga e América, ambos de Minas Gerais. Ricardo Alves é o último reforço do Azulão para o Campeonato Brasileiro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mídia Max

Comentários
Veja Também
FÁBRICA_CALÇADOS
LISTINHA_ONLINE
LÉO_GÁS_300
Últimas Notícias
  
pupa
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.