Menu
SADER_FULL
quarta, 22 de maio de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

16 recém-nascidos morreram em hospitais públicos de Alagoas

24 Mai 2007 - 14h26

Mais quatro bebês morreram, apenas nesta quarta-feira (23), na Maternidade Pública de Alagoas. Já são 16 recém-nascidos mortos, desde o dia 15, nas duas únicas maternidades públicas do estado preparadas para atender gestantes de alto risco e bebês prematuros. 

No Hospital Universitário em Maceió, sete bebês morreram em apenas seis dias. Em circunstâncias normais, a média é de sete mortes por mês.

Os hospitais estão superlotados e funcionários reclamam das condições de trabalho. A Justiça Federal determinou, em fevereiro, que fossem tomadas medidas para resolver o problema, o que ainda não aconteceu.

Os funcionários se queixam das condições de trabalho. "São bebês demais, está faltando material. A gente está sem condições humanas, com duas pessoas para 19 ou 20 bebês", contou uma funcionária. 

Em março, a Justiça decretou a prisão dos secretários de Saúde de Alagoas e da capital, Maceió. Na época, um bebê morreu por causa da falta de respirador na UTI neonatal da Maternidade Santa Mônica. 

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Mulher sobrevive a tentativa de feminicídio, mas fica tetraplégica
MAIOR PEDRA DO MUNDO
Homem de 51 anos passa por cirurgia e tem pedra de 1,3 Kg na bexiga
CAMPO BELO RESORT - DIA DOS NAMORADOS
Dia dos Namorados com programação especial e romântica no Campo Belo Resort, faça sua reserva
TRAGEDIA NA RODOVIA
Estudante morre e dez ficam feridos em acidente com ônibus de universitário
DICAS - TECNOLOGIA
Como usar o Whatsapp para impulsionar os negócios
FURIA ASSASSINA
Homem invade igreja e mata três após esfaquear ex-namorada
BONITO - MS - DICA AGÊNCIA ECO TOUR
Os lugares mais belos do Rio Sucuri em Bonito Mato Grosso do Sul!
FAMOSIDADES
Com quadro de AVC, Agnaldo Timóteo é internado na Bahia
MONSTRUOSIDADE
Pai bate em bebê até a morte por ela ter nascido menina
HOMICIDIO - MISTÉRIO
Filho de 9 anos encontra pai morto no banheiro de casa